Manuel Alegre

Luís Campos e Cunha diz que as manifestações na Grécia podem ser o prelúdio de algo semelhante a ocorrer em Portugal. Para esse desfecho, refere, bastará a crise financeira impactar a sério na nossa economia. Aí será fundamental a almofada de Manuel Alegre, acrescenta – e eu concordo. Ao agremiar o descontentamento de muitos dos eleitores heterodoxos de esquerda, Alegre funciona como um funil pró-sistémico. Uma sua eventual viragem à esquerda, com uma filiação ou apenas concordância subreptícia com o Bloco, poderá influenciar o agudizar do descontentamento social – e a capitalização da esquerda anti-sistémica.

  1. 14 de Dezembro, 2008
    Trackback from : Adeus maioria « Sinecura

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: